Lenda da narração esportiva, Silvio Luiz morre aos 89 anos em São Paulo

O narrador esportivo Silvio Luiz morreu nesta quinta-feira (16), aos 89 anos.

Foto: Globo

Foto: Globo

O narrador esportivo Silvio Luiz morreu nesta quinta-feira (16), aos 89 anos. Ele estava internado no Hospital Oswaldo Cruz, em São Paulo, desde 8 de maio, após sofrer um AVC durante a transmissão da final do Campeonato Paulista entre Palmeiras e Santos, em abril. Silvio liderava a equipe de transmissões das plataformas digitais da TV Record desde 2022. O icônico locutor estava em coma induzido, intubado, e não podia fazer hemodiálise devido à fragilidade causada pela idade e problemas renais. Nascido em 14 de julho de 1934 como Sylvio Luiz Perez Machado de Souza, ele começou sua carreira em 1952, participando de radionovelas. Além de cobrir eventos esportivos como Copas do Mundo e Olimpíadas, também narrou partidas de diversos campeonatos, como o Brasileiro, Italiano, Inglês, Carioca e Paulista. Sua voz ficará marcada na memória dos fãs de esportes, que sempre se lembrarão dos famosos bordões que ele popularizou ao longo de sua carreira.

Como locutor, iniciou na Rádio Record e passou pela Rádio Bandeirantes. Foi o primeiro repórter de campo da imprensa esportiva brasileira na extinta TV Paulista e também atuou como árbitro de futebol, participando da inauguração do Estádio do Morumbi em 1970. Silvio Luiz também atuou em novelas como “Éramos Seis” e “Cela da Morte”, ambas na Record. Trabalhou nas rádios Jovem Pan e Transamérica e passou por Band, Rede TV, MTV e SBT, onde narrou a Copa do Mundo de 1994 e foi apresentador do programa “Gol Show”. Silvio Luiz se destacou pelo estilo irreverente e irônico nas locuções de futebol, sendo dono de bordões marcantes como “pelas barbas do progeta”, “olho no lance”, e “confira comigo no replay”. Ele foi premiado cinco vezes com o “Troféu Imprensa” como melhor narrador esportivo do Brasil. Também recebeu o “Troféu Comunique-se” e o “Prêmio Aceesp”.

Seu colega de transmissão, Marvio Lucio, o Carioca, prestou homenagem a Silvio Luiz em suas redes sociais, destacando a admiração e amizade que cultivaram ao longo dos anos. O Hospital Oswaldo Cruz informou a morte de Silvio Luiz por meio de nota oficial, mencionando a falência de múltiplos órgãos como causa do falecimento e expressando solidariedade aos familiares e amigos. O narrador deixa esposa e três filhos. Informações sobre o local do velório e o horário do sepultamento ainda não foram divulgadas.